06 maio 2008

Estado vai punir funcionários irregulares

Um levantamento de técnicos da Secretaria de Administração da Bahia (Saeb) em 51 órgãos públicos do governo estadual com sedes nos municípios de Salvador, Feira de Santana e Juazeiro constatou a existência de 293 servidores em "situação funcional irregular", ou seja: estavam recebendo salários como "fantasmas", sem trabalhar.

Todos entraram na máquina estadual, teoricamente, através de concurso público. Entre as irregularidades identificadas estão funcionários com acúmulo ilegal de cargos, triplo vínculo, duplo vínculo de cargos incompatíveis e ausência prolongada no local do trabalho. Além dos casos confirmados nesse primeiro lote, outros 3.223 servidores estão sendo investigados sob suspeição de situação irregular.

Nenhum comentário: