21 outubro 2008

Vice de João e ex-secretários estão com Pinheiro

"É tempo de 'desfulanizar' a Prefeitura", disse o ex-secretário municipal Carlos Sodré ao tecer críticas sobre a atual administração, durante almoço, hoje (20), que reuniu ex-secretários do governo municipal e o vice-prefeito Marcelo Duarte (PSDB) em prol da candidatura de Walter Pinheiro, da coligação "Salvador – Bahia – Brasil" (PT, PSB, PCdoB e PV).

O encontro contou com a presença de alguns ex-integrantes do poder executivo, que chamaram atenção para o clima de instabilidade do governo João Henrique, que "bateu recorde com a constante troca de secretários", como disse a ex-secretária de Educação, vereadora Olívia Santana.

Uma faixa vermelha no recinto trazia a frase atribuída a Abraham Lincoln: "Basta! Pode-se enganar todo o mundo durante algum tempo… mas não se pode enganar todo o mundo todo o tempo". E essa foi a linha de discursos como o de Olívia, que se referiu ao prefeito como "ventríloco" e mandou um recado aos irmãos Vieira Lima: "Quem tem que comandar uma prefeitura é o prefeito. Lugar de ministro é no Ministério e de presidente de partido é nas instâncias partidária, não comandando a cidade".

Confessando ter recebido ameaça por organizar o evento, Carlos Sodré disse que o ato "é uma forma de nos redimir perante a cidade, da qual temos pena". Segundo ele, fizeram parte da administração, no primeiro e segundo escalões, 120 pessoas, entre ex-secretários, sub-secretários, dirigentes de fundações, etc. Outro dado revela que a Prefeitura teve, até agora, 57 secretários.

Para o ex-presidente da Emtursa, Pedro Galvão, é prova de "incompetência" do atual gestor, a quem acusou de "traidor". "Vimos nosso sonho ser transformado em pesadelo", afirmou Galvão.

Pinheiro agradeceu o apoio do colegiado, escolhendo o vice-prefeito para saudar a todos os presentes. "Chamo todos agora para a reta final desta caminhada. Nós conseguimos definir um projeto de sociedade com esses partidos que estão presentes comigo desde o primeiro turno e atraímos para este mesmo projeto os novos aliados. Vamos à vitória!", afirmou o candidato.

Nenhum comentário: